Stories Recentes

Como aumentar a imunidade rapidamente?

Todo mundo já se perguntou como aumentar a imunidade rapidamente não é mesmo?! Ás vezes passamos por momentos em que parece que qualquer mínima coisinha nos deixa doentes, aí então liga um alerta na nossa cabeça de que a imunidade deve estar baixa.

É nesse momento que procuramos recorrer à uma mudança de hábitos. E é isso, o modo mais rápido de aumentar a imunidade é aliar várias mudanças, como: dormir bem, evitar o estresse, praticar atividades físicas, melhorar os níveis de vitamina D, se alimentar de forma saudável, consumir probióticos e prebióticos, entre outras coisas.

Todo esse conjunto de mudanças com toda certeza vai aumentar sua imunidade mais rapidamente.

PUBLICIDADE comprar na amazon livro

O que é a imunidade?

Sabemos que o sistema imune de forma resumida é o sistema de defesa do nosso organismo. Esse complexo sistema é composto por células e órgãos que trabalham juntos para nos proteger de doenças e garantir que o corpo funcione da forma correta.

Sendo assim a imunidade é principalmente a capacidade do nosso corpo de se defender de agentes causadores de doenças como vírus, bactérias e outros.

Como saber se minha imunidade está baixa?

Dizemos que a imunidade está baixa quando há uma desregulação do sistema imunológico e esse fica fragilizado. Existem alguns sinais comuns que podem ser observados quando a imunidade está baixa, como:

PUBLICIDADE comprar na amazon spirulina
  • Gripes e resfriados constantes e que demoram a passar;
  • Episódios constantes de diarreias;
  • Sintomas constantes de desconforto estomacal como náuseas e vômitos;
  • Sintomas cutâneos frequentes como alergias e manchas;
  • Infecções recorrentes como por exemplo de urina, de garganta, de ouvido, candidíase e herpes;
  • Aparecimento de doenças autoimune como artrite, lúpus e outras;
  • Surgimento de aftas;
  • Cansaço excessivo;
  • Queda de cabelo, unhas fracas; entre outros.

Mas enfim como aumentar a imunidade?

Durma bem para aumentar a imunidade mais rapidamente

Existem diversos estudos que comprovam a relação entre o sono e a imunidade. A falta do mesmo pode acarretar numa baixa imunidade e te deixar suscetível a várias doenças infecciosas, como gripes e resfriado.

A quantidade de horas dormidas é tão importante, que influencia até mesmo a efetividade de vacinas. Por isso uma noite de sono adequada é muito importante e as tão faladas 8 horas de sono podem fazer toda a diferença.

Evite o estresse

Uma revisão de literatura recente concluiu que o estresse causa um impacto negativo no sistema imunológico, deixando o organismo mais propenso ao aparecimento de diversas doenças infecciosas, inflamatórias e outras. Inclusive doenças sérias como por exemplo a diabetes e a hipertensão, todas decorrentes do desequilíbrio do sistema imunológico.

Além disso o estresse ainda tem um impacto sobre a alimentação, geralmente pessoas estressadas comem mal. E isso contribui ainda mais para a diminuição da imunidade.

Pratique atividades físicas

A principal influência das atividades físicas é na redução do estresse e da ansiedade, e isso como vimos é muito importante para aumentar a imunidade. Os exercícios físicos ajudam ainda no controle do peso, o que também contribui para melhorar a imunidade.

Mas não é só isso, como vimos recentemente em um estudo científico a prática de atividades físicas é muito mais importante do que imaginamos, podendo melhorar os resultados de vacinas como por exemplo a da covid.

Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde) 150 minutos de atividade física moderada ou 75 minutos de exercícios de alta intensidade por semana, já podem trazer diversos benefícios à saúde.

Vitamina D aliada da imunidade

É do conhecimento de muitos que a vitamina D é de suma importância para a manutenção da imunidade e da saúde como um todo. Estudos destacam esse importante papel na regulação do sistema imunológico e também na prevenção e no tratamento de doenças autoimune como diabetes tipo 1, esclerose múltipla, artrite, lúpos e outras.

Vale destacar aqui que o mais importante quando falamos em vitamina D, é saber que o sol é o principal meio de a adquirirmos, sendo responsável por produzir de 80 a 90% da quantidade necessária para o nosso organismos.

Por isso é importante tomar sol todos os dias. A quantidade de tempo necessária vai variar de acordo com o seu tom de pele, veja aqui.

Alguns alimentos também contribuem para a produção de vitamina D, como peixes, derivados de leite, ovos, carnes vermelhas e outros.

Caso seja necessário uma suplementação de vitamina D também pode ser feita, porém vale destacar que as quantidades devem ser calculadas por profissionais como médicos e nutricionistas através de exames laboratoriais.

Quer saber como aumentar a imunidade rapidamente? A resposta é simples, o principal é se alimentar bem.

A alimentação é a principal base de uma boa imunidade. Por isso:

  • Evite consumo de açúcar e alimentos adoçados;
  • Evite o consumo de alimentos ultraprocessados e processados;
  • Dê preferência aos alimentos minimamente processados e in natura;
  • Consuma ao menos 2 porções de frutas e 3 porções de verduras e legumes ao dia.
  • Aposte nos ricos em vitamina C como a goiaba, a acerola e o pimentão amarelo por exemplo e nos vegetais verde-escuros que são ricos em antioxidantes fibras e minerais importantes para a imunidade;
  • As castanhas como por exemplo a do pará são ricas em vitamina E, selênio e zinco, importantes para a imunidade por isso não as deixe de fora da sua alimentação.
  • Os peixes ricos em ômega 3 como o salmão selvagem e a sardinha por exemplo, também são fontes de gorduras boas, antioxidantes, vitaminas e minerais que contribuem para a imunidade;
  • O azeite de oliva e as sementes como a chia e a linhaça também são importantes fontes desses nutrientes.

Consuma probióticos e prebióticos

Os probióticos como o iogurte natural, aquele que é só leite e fermento lácteo, o kefir, a kombucha e outros, ajudam a melhorar a microbiota intestinal, porque contém organismos vivos, aumentando os micro-organismos do bem. Fortalecendo assim o sistema imunológico, já que o intestino é o principal responsável pela nossa imunidade.

Já os prebióticos agem de forma parecida, porém nesse caso favorecem o crescimento e melhora da qualidade da microbiota do intestino, ajudando os micro-organismos do bem a crescerem em população.

Bons exemplos de prebióticos são: cereias integrais (aveia, cevada, centeio…), raiz de chicória, batata Yacon, biomassa da banana verde, alho poró, cebola, alho (esses últimos que por sua vez ainda funcionam como antibióticos naturais) e outros.

Beba água

Vamos lá, sabemos que a água é essencial para o bom funcionamento do organismo, não é mesmo?! Ela aumenta as secreções corpóreas como: saliva, suor, lágrima, urina e secreção das mucosas, e isso contribui para evitar infecções por patógenos, como bactérias, vírus e outros. A água também favorece a eliminação de toxinas pelo nosso corpo.

Outro fator que torna a água tão importante para a imunidade é que ela é essencial para o transporte correto de nutrientes e isso com certeza favorece a melhora da imunidade.

O própolis pode ajudar a aumentar a imunidade de forma mais rápida

O própolis contém muitos antioxidantes, principalmente flavonoides e polifenóis. Esses antioxidantes ajudam a aumentar a imunidade, contribuindo para evitar diversas doenças e até mesmo melhorá-las, entre essas: alergias, doenças infecciosas, autoimunes, câncer e outras. Além de funcionar como antibiótico natural e outros diversos benefícios que você pode conferir aqui.

O própolis pode ser consumido todos os dias, o consumo de 30 gotas por dia já traz benefícios, porém as quantidades e o tipo a ser consumido (aquoso ou alcoólico), devem ser estabelecidos por um médico ou nutricionista.

Já que para gestantes, lactantes, crianças e pessoas com diabetes ou doenças no fígado, o extrato alcoólico não é indicado. Além disso pessoas com alergias ou sensibilidade ao própolis devem evitar o seu consumo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *